Tradução é tema de livro da EdUERJ

O papel da tradução quando confrontado a inesperados desafios implica eventualmente situar-se no limiar da criação. Traduzir o quase intraduzível requer muitas vezes um senso que escapa à compreensão de quem se pauta por uma lógica imediatista. Será que existe somente uma tradução a aconchegar-se nas sombras de cada palavra?

“Tradução em (ent)revista: Simone Schwarz-Bart e as tradutoras brasileiras”, de Vanessa Massoni da Rocha, nasce da inquietação de estudar um processo enigmático como o de trocar a língua original de um romance. A reflexão é enriquecida pelas revelações de Estela dos Santos Abreu e Eurídice Figueiredo, responsáveis por verter ao português, respectivamente, os livros A ilha da chuva e do vento (em 1986) e Joãozinho no Além (em 1988), de Simone Schwarz-Bart. Inclui também uma entrevista com a escritora guadalupense, dona de uma escrita engajada e fortemente ancorada nos costumes caribenhos.

Em seus depoimentos, as tradutoras explicam como foi possível lidar com questões relativas à adaptação para a nossa língua de termos referentes a elementos específicos da fauna e da flora das Antilhas, ou de temas do universo identitário caribenho. Por serem concebidas na década de 80, essas traduções tiveram de ser produzidas sem o conforto tecnológico que hoje nos acalenta (ou assombra). Não à toa, Simone Schwarz-Bart compara essa atividade literária a um “transplante” dos livros em novas terras.

Outro mérito da publicação é oferecer um panorama sobre a literatura e a vida de Simone Schwarz-Bart, artesã literária que ilumina a força das vozes femininas e da tradição da cultura caribenha. O entendimento de sua obra é ampliado ainda por capítulos específicos para A ilha da chuva e do vento e Joãozinho no além, ilustrando as dimensões cultural, social e política de seus enredos.

“Tradução em (ent)revista: Simone Schwarz-Bart e as tradutoras brasileiras” é uma dica de leitura para quem deseja conhecer as conquistas e desafios inerentes à profissão de tradutor. Além disso, estimula debates sobre os processos que envolvem a publicação de obras caribenhas no Brasil.
Você pode baixar gratuitamente essa obra por aqui:

https://eduerj.com/?product=traducao-em-entrevista-simone-schwarz-bart-e-as-tradutoras-brasileiras-epub

Deixe uma resposta